Notícias

11 de Maio de 2019

V Curso Prático- Teórico de Fissuras Labiopalatais - Lajeado

Três dias de formação profissional, com muita troca de experiências e aulas práticas. O curso trouxe para Lajeado nomes que são referência mundial na área das fissuras labiopalatais.

Pela primeira vez na cidade, a Fonoaudióloga Maria Daniela Borro teve a oportunidade de conhecer a FUNDEF, além de analisar e avaliar como a entidade de Lajeado trata os pacientes. Ela ficou impressionada com a organização e a estrutura da Fundação. 
" Em Bauru eu faço parte de uma equipe que desenvolve próteses de palato. Essa oportunidade de preparar e capacitar outros profissionais da área é fantástica. Uma especialidade até então comum somente em Bauru.-

Com mais de 20 anos de atividades no Centrinho, o Dentista Homero Ferri é especialista em prótese de palato. Durante o curso ele mostrou na prática como confeccionar o aparelho removível e as vantagens para o paciente. .-A intenção é dar condições para que essas pessoas com alterações sérias de fala tenham uma fala mais adequada com o uso de próteses de palato que produzimos, e com isso, dar uma condição mais social, mais favorável, porque hoje em dia a comunicação é importante num mundo que vive de comunicação.-

O Cirurgião-plástico Nivaldo Alonso, grande especialista na área, ficou impressionado com a forma de atendimento da FUNDEF, mesmo longe de grandes centros urbanos. " O que marcou mais é a localização geográfica, a mais de 100 quilômetros de Porto Alegre ter uma boa estruturação de serviços e pessoal. Mas a figura do mentor faz a diferença, grande parte do que existe aqui é graças ao trabalho do médico Wilson Dewes.-

O coordenador de odontologia da fundação, o Cirurgião em Buco Maxilo Facial Henrique Telles de Oliveira frisou que o curso serviu de indicação para o trabalho na entidade. " A troca de conhecimento faz como que possamos analisar como está o nosso serviço, nossa atuação, para que possamos sempre evoluir na escala do aprendizado.- A Fonoaudióloga Fabíola Pereira Cardoso acrescentou que a utilização da prótese de palato é um projeto inicial na instituição. " Nós queremos muito aprender, e o que esses profissionais mostraram servem de exemplo para todo país.- Já o Dentista Rodrigo Matos destacou a busca constante pelo crescimento para o benefício do paciente. "Às vezes nos preocupamos com aspectos estéticos, lábio, nariz, mas na realidade o que o paciente quer é falar bem. Quando percebemos o paciente sem e com a prótese a melhora é incrível- .

O Cirurgião Plástico Marco Aurélio Gamborgi é um dos organizadores do curso. Ele atua no Centro de Atendimento Integral Fissurado Lábio Palatal (CAIF ,Curitiba) e no Centrinho Joinville, Santa Catarina. Com mais de três décadas de experiência, confessou que "adotou- a FUNDEF. " A 5 anos eu não conhecia Fundação e como você vai ajudar algo que não conhece? Hoje sei que a instituição é referência para todo o RS. O nosso objetivo com esse curso é trazer profissionais de renome e ao mesmo tempo levar para esses profissionais o que é a FUNDEF. Nós ganhamos porque conhecemos a FUNDEF e a instituição ganha por que vai sendo cada vez mais conhecida.-

Os participantes do curso foram unânimes e destacaram a interação entre as áreas e a proximidade com os palestrantes. O médico Kleber Seabra afirmou que o curso cumpriu a missão " Houve uma integração perfeita entre alunos e professores. No próximo ano vamos fazer melhor, pois a cada curso enxergamos uma evolução.-

O curso teve apoio do Smile Train, Hospital Bruno Born, FUNDEF e Clinica Dewes.