Notícias

22 de Novembro de 2016

2ª TURMA DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA ENTRA PARA A RETA FINAL DO CURSO

As aulas iniciaram em abril de 2014 e o término está previsto para março de 2017. A 2ª turma é formada somente por mulheres. A dentista Andressa Costa Mallmann, de Venâncio Aires, conta que escolheu o curso porque a turma é reduzida e os docentes qualificados. " A cobrança dos professores é diferenciada, são somente 5 alunos, os docentes estão sempre presentes. Geralmente os cursos disponíveis oferecem vagas para turmas de 12, 15 alunos. Já o curso de especialização em Lajeado tem menos da metade. Nós sempre temos auxílio e podemos trazer os casos do consultório particular para analisarmos com os professores. "

Depois de mais 2 anos de muito estudo, a turma está na reta final dos trabalhos. Boa parte das aulas práticas foi realizada na FUNDEF. Para Caroline Battisti Kroth que também é da cidade vizinha de Lajeado, o curso superou as expectativas. Ela explicou que estava na lista de espera para conseguir uma vaga, não conseguiu na 1a turma. Todo esse tempo valeu a pena, de acordo com a dentista. " O curso é bem puxado, mas eu sei que é importante. Nós tivemos e ainda temos contato com os fissurados, podemos ajudar no tratamento, isso é fantástico. Os professores nos ajudam no planejamento, a montar nosso plano de tratamento. O interessante é que existe uma troca muito grande de experiências, tudo muito enriquecedor. "

Conciliar a rotina de trabalho no consultório dentário com a de aluno não é fácil. Vanessa é de Pelotas, mas gostou tanto das aulas e da região que resolveu se mudar para cá. " Eu vim aqui conhecer a FUNDEF, me apaixonei pelo serviço e pelo Vale do Taquari. O curso é excelente. A carga horária é de uma semana de aula por mês, 10 horas por dia. Isso, nós não encontramos em outros cursos, com certeza, vamos sair daqui com um bom aprendizado. "

Saiba mais sobre o curso

A carga horária extensa de 2105 horas é exigida pelo Conselho Federal de Odontologia (CFO). O curso é destinado para cirurgiões dentistas que buscam se especializar em ortodontia. Ele prepara o profissional para o atendimento no consultório particular, além de ensinar o tratamento de deformidades crânio faciais, o que abre o leque do mercado de trabalho. A atividade tem duração de 3 anos e é realizada uma vez por mês, de segunda a sexta-feira, com aulas o dia todo.

O curso surgiu para suprir a falta de ortodontistas para trabalhar no atendimento aos pacientes fissurados na FUNDEF. O coordenador da especialização, Dr. Rodrigo Matos de Souza ressalta ainda que as aulas preparam o ortodontista para tratar os mais variados casos. " Os alunos aprendem a tratar desde pacientes fissurados até os que vão no consultório normalmente. São todos os tipos de má oclusão. Vale ressaltar nossa equipe de professores, com profissionais qualificados de Porto Alegre, Santa Maria e Santa Catarina."

Paralelo a isso, começou no início do mês, a quarta turma do curso de especialização. Ainda existe uma vaga disponível, quem tiver interesse pode procurar a Graziela Finatto, pelo telefone (51) 3714-3711 ou (51) 3748-5151.